João Monteiro está de regresso ao Porto Open após a vitória em 2017
18-07-2019
A organização do Porto Open já distribuiu os primeiros wild cards para os quadros principais masculino e feminino da 20ª edição do torneio, que este ano está de regresso ao Complexo Desportivo do Monte Aventino, entre 22 e 28 de julho.
A poucos dias de iniciar o a sua vigésima edição, a organização do Porto Open revelou hoje os tenistas a quem entregou o wild card. No quadro principal masculino de singulares, João Monteiro foi brindado com um convite para regressar ao torneio que já venceu em 2017. 

O portuense regressa assim à competição após uma longa paragem devido a lesão. Será, com toda a certeza, muito bem recebido pelo público no Monte Aventino, já a partir da próxima semana.

Quem também vai jogar no quadro principal desta edição do Porto Open por convite da organização será Francisco Cabral, jovem formado no Clube de Ténis do Porto e que ocupa a 593ª posição do ranking ATP. 

Foi ainda anunciado um wild card para o qualifying masculino do Porto Open 2019. Hugo Maia, recém-sagrado campeão regional de juniores, vai tentar qualificar-se para a prova principal masculina na próxima segunda-feira.

Quanto à prova feminina, os convites foram para Inês Murta e Sara Lança, que assim se juntam a Francisca Jorge no quadro principal de singulares. 

Inês Murta, de 22 anos, é a atual n.º 2 nacional, tendo sido finalista do torneio em 2016. Sara Lança, também de 22 anos, é 874ª no ranking WTA e, este ano, tem mostrado uma boa evolução do seu ténis, merecendo também a confiança da organização do evento.

PORTUGUESES EM MAIORIA

No que à lista de inscritos divulgada diz respeito, os portugueses estão, naturalmente, em maioria. Tiago Cação, (553.º ATP) lidera, em termos de ranking, o contingente luso. Segue-se o semifinalista da edição passada, Nuno Borges (649º ATP), Fred Gil (667º ATP), Daniel Batista (533.º ITF) e Luís Faria (681º ITF).

Baptiste Crepatte, atualmente na posição 335º ATP, deverá encabeçar a lista de favoritos. De resto, o francês é apenas um dos seis tenistas gauleses que têm um lugar garantido no quadro principal, juntamente com Antoine Cornut Chauvinc (419º ATP), Albano Olivetti (442º ATP), Hugo Grenier (461º ATP), e Rayane Roumane (548º ATP), Maxime Tchoutakian (230º ITF).

No qualifying, destaque para a presença de nove tenistas portugueses, sendo eles: Francisco Cabral (864º ITF), Fábio Coelho (1085º ITF), Afonso Salgado (1140º ITF), Gonçalo Falcão (1242º ITF), Martim Leote Prata (1261º ITF), Tomás Almeida (1377º ITF), João Graça (1630º ITF), Simão Alves (1994º ITF), e Paulo Fernandes (2126º ITF).

Já no quadro femino, Pemra Ozgen, número 218ª WTA, surge como a atual primeira cabeça-de-série, seguida da francesa Myrtille Georges, número 239. Francisca Jorge (716ª WTA), bi-campeã nacional absoluta, é mais uma das portuguesas com entrada garantida no quadro principal, fruto da 47.ª posição que ocupa no ranking ITF.

Recorde-se que os jogadores e jogadoras interessadas em participar no quadro de qualificação do Porto Open têm uma oportunidade única com o torneio Pré-Qualificação, que vai decorrer este fim-de-semana. As inscrições devem ser feitas por e-mail para torneiosatporto@gmail.com até à próxima sexta-feira, dia 19 de julho, pelas 13 horas, indicando o nome, data de nascimento e nacionalidade.