Cartaz completo do NOS Primavera Sound 2017
21-12-2016
Estão confirmados nomes como Bon Iver, Justice, Aphex Twin, The Make-Up, Skepta, Swans, Shellac, Run The Jewels, Metronomy, Richie Hawtin, Elza Soares, entre muitos outros, que marcam presença no Parque da Cidade do Porto entre os dias 8 e 10 de junho

O NOS Primavera Sound já revelou o cartaz completo para a sua edição de 2017, numa ação de comunicação inédita que se iniciou ontem, a partir das 21 horas, através de um vídeo em direto na página de Facebook do festival, em simultâneo com o lançamento no Instagram dos nomes dos várias artistas que vão estar no Parque da Cidade do Porto, de 8 a 10 de junho.


O cartaz da sexta edição do festival, que é uma vez mais apoiado pela Câmara Municipal do Porto, é encabeçado por Bon Iver, que vem apresentar os temas do seu último trabalho "22, a Million", pelo mago britânico da electrónica menos resignada, Aphex Twin, e pelo duo francês Justice, a estrear o recente "Woman" em Portugal.


O line-up do NOS Primavera Sound 2017 inclui também nomes sonantes da atualidade: o duo Run The Jewels, coroados como um dos projetos mais excitantes do momento, a electrónica do chileno Nicolas Jaar, o som distintamente britânico de Skepta, o r&b americano de Miguel, o pop electrónico de Metronomy, a sonoridade vanguardista de FlyingLotus e a estrela da música de dança mais inovadora Richie Hawtin.


A lista de nomes rutilantes não acaba aqui e pelo Porto vão também passar o soul de Sampha, o soul-rock de The Make-Up, de regresso aos palcos, o folk pop da americana Angel Olsen, a primeira dama da música brasileira Elza Soares, os escoceses Teenage Fanclub, à boleia do seu último álbum, a electrónica com o toque pop de Tycho, a aventura a solo de Hamilton Leithauser (ex The Walkmen), o rock clássico de Whitney ou o regresso do indie rock de Grandaddy.


O festival apresenta-se uma vez mais como um espaço de diversidade com vários alicerces musicais que incluem sonoridades menos habituais. Do extremismo de Death Grips ao soul de Lady Wray, do punk rap britânico do duo Sleaford Mods ao country de Nikki Lane, do indie pop de Jeremy Jay ou Cigarettes After Sex à electrónica de Bicep ou Mano Le Tough, do folk de Mitski, JulienBaker ou Weyes Blood ao pop de Operators e Núria Graham.


As guitarras também terão o seu espaço no Parque da Cidade. O duo Japandroids, com os seus novos temas, os californianos TheGrowlers, a viver o seu melhor momento, a música psicadélica australiana pela mão de dois dos seus representantes mais importantes: King Gizzard& The Lizard Wizard e Pond, o apocalipse que trazem os Swans, os maestros do psych, The Black Angels, o retorno dos lendários RoyalTrux, os embaixadores do pós-hardcore Shellac, o punk de AgainstMe! e nomes prometedores como Wand e Cymbals Eat Guitars que defendem o lado mais rock do cartaz.


As propostas nacionais são encabeçadas pela união de dois nomes de peso: Rodrigo Leão (Madredeus) com o australiano ScottMatthew, que chegam para apresentar o seu disco em conjunto. Juntam-se a eles o rock inchado de fuzz de Evols, o pós-rock de First BreathAfter Coma e a música de raízes lusitanas de Samuel Úria.


O passe-geral para o festival custa €100,00 e o voucher diário (que pode ser trocado por um bilhete de um dia) está à venda por €50,00.